Após a vitória do Flamengo Palmeiras fora de casa por 3 a 1 neste domingo pelo Campeonato Brasileiro, Renato Gaúcho falou sobre o destaque do jogo, Michael.

Destaque do Goiás, o jogador passou por muitos altos e baixos nas últimas duas temporadas antes de conseguir despontar na Gávea.

“Acho que, além do trabalho na parte tática, que eu gosto muito de conversar com os jogadores, procuro lapidá-los, corrigi-los, procuro dar moral para o que eles fazem de certo. Procuro conversar, levo eles para a sala de vídeo, mostro o que está certo, o que está errado. Fico contente, é um jogador pelo qual eu torço bastante, já tinha pedido ele lá no Grêmio e agora o encontrei aqui no Flamengo. Ele tem nos ajudado bastante, tem feito gols. Nós temos o Gabriel, que é o “chatão”, e ele é o nosso “chatinho”. E é o “chatinho” que tem ajudado bastante”

Renato também dedicou palavras ao destaque da partida, Michael, que vinha com pouco prestígio com os treinadores anteriores.

“Ele está jogando muito bem. Procuro conversar bastante com ele para que ele se coloque de uma maneira que, toda vez que recebe as bolas, possa fazer as jogadas dele. Passo muita tranquilidade para ele, principalmente dentro e próximo à área. Nesse quesito ele evoluiu bastante, tanto é que tem feito gols. Tem tido aquela tranquilidade que eu peço, eu falo para eles que o desespero é sempre do adversário. Ele tem feito gols porque está tendo tranquilidade para fazer a melhor jogada”, disse.

Após a vitória, o Flamengo chega à 3ª posição na tabela, com 34 pontos em 17 jogos. O Palmeiras é o vice-líder, com 35 pontos em 19 partidas. Já o Atlético-MG, primeiro colocado, tem 42 pontos em 19 jogos.