Saiba quem é Rodrigo Ely, alvo do Flamengo para reforçar a zaga
Siga nas redes sociais

Mercado de Transferências

Saiba quem é Rodrigo Ely, alvo do Flamengo para reforçar a zaga

Publicado

em

flamengo negocia a contratacao de rodrigo ely

Antenado ao mercado a fim de reforçar o elenco de Renato Gaúcho, o Flamengo tem em Rodrigo Ely um alvo definido e com boas possibilidades de acerto, já que o zagueiro se empolgou com a proposta recebida e está sem clube depois de atuar por cinco temporadas no Alavés, da Espanha.

Aos 27 anos, o atleta nascido em Lajeado (RS), que empolgou torcedores após compartilhar uma foto vendo Flamengo x Sport no último domingo , é desconhecido por parte do público brasileiro, já que deixou o futebol nacional sem atuar nos profissionais, aos 18 anos, para atuar na Europa. Saiba mais sobre ele abaixo.

Oriundo da base do Grêmio, Rodrigo Ely chegou ao Velho Continente para atuar no Milan, em 2010, após brilhar em um torneio sub-15 em Votorantim pelo Tricolor, mas não conseguiu muitas oportunidades até se profissionalizar, embora tenha sido convocado, inclusive, para a seleção italiana de base (com direito à disputa de torneio continental).

Na Itália, chegou a ser emprestado para Reggina (29 jogos), Varese (40 jogos e equipe por qual marcou o seu primeiro gol) e Avelino (35 jogos), antes de ganhar destaque no Alavés, onde estava de 2016/17 até junho deste ano. Ele se despediu em postagem publicada no início de agosto (veja aqui ).

Ao todo, foram 85 jogos no Alavés, mas apenas oito na temporada passada, pois sofreu uma ruptura dos ligamentos cruzados do joelho em dezembro de 2020. Aliás, foi no dia 20/12 o seu último jogo oficial – contra o Celta de Vigo, pela La Liga. Atualmente, para manter a forma, tem treinado com profissionais por conta própria e compartilha as atividades em suas redes sociais.

Vale ressaltar que o Alavés o contratou por cerca de R$ 15 milhões depois de um empréstimo do Milan por uma temporada. Ely estava valorizado na vitrine pois chegou a ser convocado diversas vezes para a Seleção Brasileira em preparação para as Olimpíadas do Rio de Janeiro, com Alexandre Gallo (ainda em 2014) e depois por Rogério Micale, sendo até capitão. No entanto, apesar de deixar boa impressão, não foi selecionado para os Jogos-2016.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Rodrigo Ely (@rodrielyoficial)

+ Veja o chaveamento da Libertadores até a final

Agora, caso acerte com o Fla, Rodrigo Ely terá a oportunidade de provar o seu potencial visto em seus primeiros anos de profissional e superar o longo tempo de inatividade para suprir um setor que sofre desde a saída de Pablo Marí.

RODRIGO ELY NAS DUAS ÚLTIMAS TEMPORADAS*

* Via Sofascore

Rodrigo Ely (Alavés)

Na mira do Flamengo: Rodrigo Ely não atua oficialmente desde dezembro de 2020 (Foto: Divulgação)

Fonte: Lancenet

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Mercado de Transferências

Paulo Sousa quer contratação de volante chileno da Fiorentina para o Flamengo

Publicado

em

i

De acordo o site italiano Calciomercato , o técnico português Paulo Sousa recomendou ao Flamengo a contratação do volante chileno Erick Pulgar, que atua na Fiorentina.

Sabe-se que o treinador já fez sua lista de pedidos à diretoria e quer uma opção no meio-campo.

Pulgar, 28 anos, só atuou por oito partidas na atual temporada.

No Flamengo, Paulo Sousa tem para a função nomes como Arão, Thiago Maia e João Gomes. Mais adiantados, Éverton Ribeiro e Arrascaeta, além de jovens da base como Lázaro.

Fonte: Extra

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo

Mercado de Transferências

Zagueiro será o primeiro à deixar o Flamengo em 2022; Clube não aceita proposta por Rodinei

Publicado

em

viana crop1625063721662.jpg 242310155

Bruno Viana é o primeiro jogador do elenco do Flamengo a ter a saída definida para 2022.

O zagueiro não terá o empréstimo renovado nem a opção de compra exercida.

Com vínculo junto ao Braga, de Portugal, tem ofertas da Espanha.

O jogador chegou no começo de 2021 e não conseguiu se firmar.

Com isso, abre espaço para a chegada de um zagueiro.

A diretoria do Flamengo foca no novo treinador, mas também já rechaçou a investida pelo lateral Rodinei.

O Charlotte FC, equipe da Major League Soccer (MLS), apresentou uma proposta de dois anos de contrato, mas os valores iniciais não agradaram ao Flamengo. O clube carioca quer R$ 5,5 milhões pelo jogador.

O contrato do lateral com o clube carioca vai até dezembro de 2022.

Outras saídas em pauta

Outro jogador perto do fim do vínculo é o goleiro César, que se recuperou de uma cirurgia e ficou se atuar nesta temporada. O contrato acaba em abril de 2022 e ele será liberado.

Em 2022, uma série de jogadores do elenco atual têm suas situações a definir.

Os empréstimos de Thiago Maia, Andreas e Kenedy acabam no meio do ano.

Ainda não se sabe se o trio permanecerá, pois o valor de compra é elevado.

No fim da temporada 2022, os contratos de Vitinho, Piris da Motta, Renê e Rodinei se encerram.

Seis meses antes eles já poderão assinar pré-contrato com outros clubes e saírem de graça.

Valorizado após temporada 2021 de destaque, Vitinho é quem tem mais chance de renovar.

A renovção de Arrascaeta, cujo contrato vence apenas em 2023, é a que está na pauta do dia até o fim do ano. Ele deve assinar até 2026 e ter reajuste salarial.

Fonte: Extra

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo

Mercado de Transferências

Jorge Jesus é o nome favorito da diretoria para assumir o Flamengo

Publicado

em

jorge jesus.jpg 949353564

Depois de curar a ressaca após a derrota para o Palmeiras na final da Copa Libertadores, a diretoria do Flamengo começa a mapear o mercado em busca de um treinador para 2022. Conforme trouxe a Goal, o time carioca tem alguns nomes na lista como Gallardo, Villas-Boas e Jorge Jesus, mas ainda não há avanço com ninguém.

Há um consenso de que qualquer coisa só vai avançar depois das eleições, que acontecem neste sábado (04), na sede do clube, no Rio de Janeiro. A reeleição de Landim está muito bem encaminhada, mas a ideia é, antes de tudo, oficializar a vitória no pleito.

Dentro da diretoria e com a própria torcida existe um nome preferido. Trata-se de Jorge Jesus. O português, que conquistou a Libertadores e o Brasileirão em 2019, teve seu nome gritado no Maracanã durante a vitória por 2 a 1 sobre o Ceará, na última terça-feira (30) e não saí da cabeça dos rubro-negros.

O entendimento, no entanto, é que um retorno imediato é complicado. Jorge Jesus pretende terminar o contrato com o Benfica, que termina em junho de 2022 e só depois disso avaliar o próximo passo na carreira. Ele até se mostra interessado num retorno ao futebol brasileiro, mas neste momento, quer muito mais seguir disputando a Champions League.

O Benfica é o terceiro colocado no grupo E com cinco pontos. Na próxima e última rodada da fase de grupos, enfrenta o Dínamo de Kiev, enquanto o Barcelona, segundo colocado com sete pontos, encara o Bayern de Munique. Para garantir a classificação, JJ vai precisar secar o time de Xavi e fazer sua parte no estádio da Luz.

Ainda que não consiga garantir a classificação, um pedido de demissão de Jorge Jesus no Benfica é muito improvável. Fontes ligadas à Goal garantem que o português só deixa o clube se for mandado embora. O Flamengo, por sua vez, tem pressa.

A diretoria rubro-negra entende que não pode esperar até o meio do ano, uma vez que a temporada será espremida por conta da Copa do Mundo, que começa no final de novembro. Há muito em jogo já no primeiro semestre e se o português tiver o interesse em voltar, terá que fazer com o Benfica o que fez com o Flamengo em 2020, deixar o clube no meio da temporada.

Outra situação que os dirigentes do Flamengo precisarão avaliar é o desejo de Jorge Jesus em dirigir a seleção brasileira. O treinador não esconde que tem dois grandes objetivos hoje na carreira, disputar um Mundial de Clubes novamente e dirigir o Brasil.

A diretoria rubro-negra, no entanto, quer um treinador que fique pelo menos duas temporadas no clube e teme que Jesus deixe a equipe depois de seis meses para assumir a Canarinho.

Fonte: Goal

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo