Rocha: Flamengo goleia no jogo do avesso do avesso em Porto Alegre
Siga nas redes sociais

Futebol

Rocha: Flamengo goleia no jogo do avesso do avesso em Porto Alegre

Publicado

em

E9rwzIeWUAMlW X

O final do primeiro tempo da ida das quartas de final da Copa do Brasil contra o Grêmio em Porto Alegre foi caótico para o Flamengo.

Expulsão de Isla nos acréscimos, discussão feia entre Willian Arão e Gustavo Henrique na saída para o intervalo e a sensação de que o time estava desmoronando em campo.

 

Muito pela nova maneira de defender da equipe rubro-negra, saindo da marcação por zona com algumas variações nos tempos de Rogério Ceni e Domênec Torrent para o encaixe com perseguições individuais, preferência do treinador Renato Gaúcho.

Escolha arriscada e de difícil adaptação, não só pela falta de costume. O Flamengo tem Isla, Filipe Luís e Diego, jogadores com importantes responsabilidades defensivas, acima dos 30 anos. Ainda Gustavo Henrique, zagueiro alto e lento, e Bruno Viana, muito contestado e irregular.

Muito espaço para cobrir, até pela proposta de se instalar no campo de ataque. Levou um drible, o instinto é fazer falta porque vai estourar lá atrás. Gustavo Henrique e Diego, já com amarelo, se livraram da expulsão por critério da arbitragem na punição. O lateral chileno não se safou.

45 minutos de pouco brilho de Arrascaeta, Bruno Henrique saindo lesionado depois de arrancada e finalização e muitos espaços entre os setores. O Grêmio se aproveitava com movimentação do meia paraguaio Villasanti e as diagonais da esquerda para dentro de Alisson, concluindo para fora a melhor oportunidade gremista. Do lado oposto, Douglas Costa também foi substituído por contusão muscular e deu lugar a Ferreira.

O time de Felipão estava pronto para matar em sua arena o time visitante com velocidade e jogo físico. Só que a vantagem numérica criou uma responsabilidade inesperada: a de ser protagonista, ficar com a bola e criar espaços. Claramente o tricolor gaúcho não estava minimamente preparado para tal missão.

Renato também teve seus méritos. Foi preciso nas substituições para reorganizar a equipe num 4-4-1. Manteve Everton Ribeiro, que compõe bem a segunda linha de quatro pela direita e sacrificou Arrascaeta para recompor a lateral com Matheuzinho. E ainda tirou o “pendurado” Diego e colocou Thiago Maia, de volta após contrair Covid-19.

O time espaçado e descoordenado se recolheu no próprio campo e encontrou espaços generosos para as transições ofensivas. Abriu o placar na bola parada, escanteio da direita, com Bruno Viana, em chute desviado por Rafinha, na primeira partida do lateral contra o ex-time no Brasil. O suficiente para o Grêmio entrar em parafuso e ceder chances seguidas, desperdiçadas por Michael, nas habituais tomadas de decisão erradas, e Everton Ribeiro, que, livre e com tempo para dominar e finalizar com o pé esquerdo, resolveu arriscar com o direito e errou.

Felipão foi desorganizando sua equipe com substituições. Primeiro o estreante Campaz no lugar de Lucas Silva, depois Luiz Fernando e Diego Souza nas vagas de Alisson e Thiago Santos, deixando Villasanti como meio-campista mais recuado. Pouco criou, além de um chute de Alisson no travessão, logo após o primeiro gol sofrido, e uma cabeçada de Borja.

O desespero ficou claro no comportamento do jovem Vanderson. Agiu de forma atabalhoada em dois “enroscos”, com Everton Ribeiro e Thiago Maia, e conseguiu ser expulso no final, por falta dura em Vitinho.

Camisa onze que substituiu Everton Ribeiro e depois foi para o centro do ataque, como uma espécie de “falso nove”, quando Rodinei entrou no lugar de Gabigol e foi ocupar o lado direito. Desequilibrou com assistências para Michael e Rodinei, ainda cobrou o pênalti no último lance, fechando os 4 a 0 históricos.

Protagonistas apagados ou lesionados, contestados rubro-negros em noite mágica. Quem diria às 21h30, ou por volta das 22h15, que este seria o roteiro do jogo? Que o Flamengo se arrumaria com um homem a menos e o Grêmio ficaria perdido em casa, mesmo com 56% de posse e 16 finalizações, apenas uma no alvo. Contra sete de onze do rival cirúrgico.

Foi o jogo do avesso do avesso em Porto Alegre. No final, o favorito absoluto goleou, mas de maneira totalmente aleatória. Do banco, o recém-chegado Andreas Pereira não deve ter entendido muita coisa. Porque o time de Bruno Viana, Michael, Rodinei e Vitinho já está nas semifinais do mata-mata nacional.

Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Fonte: Uol

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Futebol

Flamengo planeja reformulação geral em setores do futebol para 2022

Publicado

em

landim

A derrota na final da Libertadores deverá confirmar uma grande reformulação no Flamengo para 2022. O técnico Renato Gaúcho não deve permanecer e pode sair até mesmo antes do fim do Brasileiro, porém, as mudanças não devem parar por aí. O clube carioca deverá passar por uma verdadeira mudança que inclui jogadores e também profissionais que fazem parte do futebol do Rubro-Negro há algum tempo.

Entre os jogadores, há pelo menos cinco que não devem continuar para a próxima temporada. O zagueiro Bruno Viana, que pertence ao Braga, e não deverá ter seu vínculo renovado. O goleiro César que deve ser negociado, além do volante Piris da Motta e do lateral-direito Rodinei. O jovem João Gomes, de 21 anos, também tem chances de ser negociado pelo clube carioca.

Além dessas saídas, o Flamengo também deverá ir ao mercado e fazer contratações. O clube carioca entende que precisa se reforçar com um goleiro e também com meia, para ser uma espécie de “sombra” para Arrascaeta. A contratação de um lateral-direito também não está descartada pelo Rubro-Negro.

Porém, a reformulação não vai passar apenas por mudanças no elenco. De acordo com informações do portal “UOL”, a preparação física e o departamento médico do Flamengo, que receberam muitas críticas na temporada, podem sofrer mudanças. Lembrando que o clube irá passar por eleições no próximo mês e o atual presidente Rodolfo Landim é o favorito para ser reeleito.

Fonte: O Dia

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo

Futebol

Diretoria do Flamengo avalia demissão de Renato Gaúcho

Publicado

em

61a299f073c41

Renato Portaluppi, que já vem sendo muito pressionado pela torcida do Flamengo há alguns jogos, pode deixar o comando técnico do clube a qualquer momento após o vice-campeonato na Libertadores, diante do Palmeiras.

Conforme apurado pela reportagem da TNT Sports, o treinador, que tem contrato até o fim deste ano, não permanecerá no Rubro-Negro para a próxima temporada e pode ser que chegue a não cumprir o contrato.

Nos bastidores do Flamengo, ainda de acordo com a apuração da TNT Sports , é discutida a possibilidade de Renato não estar à frente da equipe já na próxima terça-feira (30), diante do Ceará, jogo válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O técnico chegou ao time carioca em julho, horas depois da demissão de Rogério Ceni. No contrato, há uma cláusula de renovação automática caso Rodolfo Landim seja reeleito presidente do clube.

Fonte: TNT Sports

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo

Futebol

Palmeiras x Flamengo: saiba tudo sobre a final da Libertadores

Publicado

em

51706277072 66faef4d60 k

Chegou o dia! Palmeiras e Flamengo se enfrentam na grande final da Copa Libertadores da América às 17 horas (de Brasília) de hoje (27), no Estádio Centenário, em Montevidéu. Vale o troféu mais cobiçado do continente, em um confronto que reúne os dois campeões mais recentes do torneio.

Onde assistir

A partida terá transmissão ao vivo do SBT (na TV aberta), da Fox Sports (TV fechada) e no serviço de streaming Star+. Também é possível assistir ao jogo pela internet.

Prováveis escalações

Palmeiras: Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Luan e Piquerez; Felipe Melo (Danilo), Zé Rafael, Gustavo Scarpa e Raphael Veiga; Dudu e Rony. Técnico: Abel Ferreira.

Flamengo: Diego Alves; Isla, Rodrigo Caio, David Luiz e Filipe Luís; Willian Arão, Andreas Pereira, Éverton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol. Técnico: Renato Gaúcho.

Desfalques

Palmeiras: Marcos Rocha (suspenso por acúmulo de cartões).

Flamengo: Léo Pereira (suspenso após ser expulso na semifinal).

Arbitragem

Árbitro: Nestor Pitana (Argentina)
Auxiliares: Juan P. Belatti e Gabriel Chade (ambos da Argentina)
VAR: Julio Bascuñan (Chile)

Imagem: Leonardo Boyd

Fonte: Uol

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo