Flamengo foi derrotado pelo Internacional por 4 a 0, neste domingo (8), no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, a primeira derrota de Renato Gaúcho no comando da equipe carioca

Ao longo da entrevista coletiva, o treinador diminuiu o fato de ter sido derrotado pela primeira vez, afirmando que todas as equipes irão tropeçar, além de diminuir o fato de um revés na semana em que passaram treinando.

“Vai acontecer, isso não quer dizer que quando uma equipe descansa tem a certeza da vitória. Se é assim, você pega outras equipes grandes que só disputam o Campeonato Brasileiro, elas tem a obrigação de ganhar o título”, disse.

“Nós ‘descansamos’, entre aspas. Eu já havia falado que iríamos tropeçar uma hora, ninguém tem um time imbatível. Flamengo não vai ganhar todos os seus jogos. Isso não quer dizer que o Flamengo não jogou bem hoje porque não jogou durante a semana”, completou.

Renato também reclamou de duas faltas não marcadas nos lances dos primeiros gols colorados na partida, dizendo que o time não perdeu a cabeça ao longo dos 90 minutos.

“Não perdemos a cabeça. Os jogadores tiveram certa tranquilidade, por tudo que aconteceu durante a partida. Mas eu não gosto de falar de arbitragem. A única coisa que eu questionei a arbitragem foram nos lances dos dois primeiros gols do Internacional”, afirmou.

“No lance do Bruno Henrique, que eu vi falta, e no do Diego, que eu vi falta, também. Isso não é desculpa. Só acho que ele deu uma vantagem que o Flamengo não teve”, finalizou.