Domínio brasileiro nas semis infla valor da Libertadores em disputa de TVs
Siga nas redes sociais

Finanças

Domínio brasileiro nas semis infla valor da Libertadores em disputa de TVs

Publicado

em

51372539106 2becf81197 k

O inédito domínio de times brasileiros nas semifinais — com três representantes — aumenta o valor comercial da Libertadores. Há índices como adesão à Conmebol TV e audiência em TVs Abertas e fechada que se inflaram neste cenário. E isso acontece às vésperas de uma nova concorrência pelos direitos da Libertadores, mas que pode ser impactada porque há ameaça de a Globo não participar do processo.

Nas semifinais, estão Atlético-MG, Palmeiras e Flamengo, sendo que os dois primeiros irão se enfrentar. A explicação é a distância financeira destes três clubes para o restante do continente, inclusive gigantes como River Plate e Boca Juniors.

 

Se outros países ficam incomodados com o domínio, a Conmebol tem ganhos financeiros. O jogo entre Galo e River, exclusivo da Conmebol TV, teve uma das maiores adesões de assinantes. A presença de times brasileiros na Sul-Americana também ajuda nestes números.

Com isso, os canais já atingem um patamar pouco superior a 450 mil assinantes. É cerca de um terço das adesões ao Premiere do Campeonato Brasileiro. Os resultados da Disney e SBT também são considerados satisfatórios em termos de audiência.

O Brasil é o principal mercado da América do Sul e costuma representar 40% das receitas da Libertadores. Por isso a Conmebol mudou a distribuição de vagas com aumento de times nacionais na reforma da competição. E não há sequer discussão na confederação sul-americana para restringir equipes do país nas fases finais porque isso tiraria a vantagem financeira e impactaria parceiros.

Um receio, no entanto, é o domínio nacional impactar o interesse de outros países na Libertadores. Mas há uma percepção de que é preciso aumentar o bolo de dinheiro ganho para atender a times de todas as nações, não só o Brasil. Até porque a divisão de cotas entre clubes é igual, depende da campanha.

É neste cenário que a Conmebol e a FC Diez organizam a próxima concorrência pelos direitos da Libertadores. A previsão é de ser lançada no último trimestre deste ano ou no primeiro de 2022. Estarão em jogo os direitos dos campeonatos de 2023 em diante.

Há uma disputa aquecida e um produto valorizado na visão de participantes do mercado. Mas há uma questão: a participação da Globo. A emissora tem total interesse de voltar a adquirir os direitos da Libertadores, considerado um produto premium.

Mas a Conmebol iniciou um processo contra a Globo na Suíça por quebra do contrato anterior da Libertadores: exige um ressarcimento de todo o acordo. Na visão da confederação sul-americana, hoje, a emissora carioca não poderia participar da concorrência se não houver uma resolução deste litígio. A Globo também não negocia com quem tem litígio. E há pouco tempo para isso se resolver.

A Globo entende que é uma dificuldade, mas não vê como um obstáculo definitivo. Obviamente, sem a maior emissora do país de TV Aberta, haverá menor concorrência pelos direitos.

Ainda também não há certeza sobre o empacotamento dos direitos da Libertadores. A Conmebol TV pode ser mantida ou seus direitos podem ser vendidos em um pacote se for mais vantajoso. Não deve haver divisão por plataformas, mas por grupos de jogos.

A realidade é que a Libertadores, com o aumento do domínio brasileiro, se tornou um produto ainda mais premium. Não é uma má notícia para a Conmebol que viu esses direitos sendo devolvidos há apenas um ano.

Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Fonte: Uol

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Finanças

Elenco do Flamengo é quase 10 vezes mais caro que o do Barcelona de Guayaquil; veja

Publicado

em

De acordo com o site “Transfermarkt”, a diferença do valor entre os elencos de Flamengo e Barcelona de Guayaquil é gigantesca. O valor de mercado do elenco rubro-negro é de 147,75 milhões de euros e do time equatoriano é de 15,95 milhões de euros. Só Gabigol já vale mais que todo time adversário. O atacante do Mengão vale 26 milhões de euros.

Para Mário Marra, a questão financeira dificulta, mas não é um empecilho e na Libertadores pesa menos do que deveria pesar. O Barcelona deu esse exemplo eliminando times com mais investimento, como o Santos. A equipe equatoriana terminou a fase de grupos em primeiro lugar, deixando para trás Boca Juniors, Santos e The Strongest. Nas oitivas, despachou o Vélez Sarsfield. Nas quartas, eliminou o Fluminense após dois empates.

“Se a questão econômica fosse empecilho, claro que dificulta, mas eu só acho que na Libertadores isso pesa menos do que deveria pesar. Se não, dava brasileiro todo ano. O Barcelona tirou o Palmeiras outro dia, tirou Santos. Mesmo em relação ao Santos, tem uma diferença econômica, por menos time que o Santos tenha, por menos investimento que o Santos tenha, ainda o brasileiro que investe menos, terá mais investimento que o Barcelona. Então, isso não é um empecilho absoluto, tanto que o técnico foi muito inteligente quando promete o que pode entregar, que é competitividade. Foi com competitividade que times como o Barcelona forma longe na Libertadores até hoje. A própria característica do torneio permite isso. Nos pontos corridos, a questão do investimento pesa muito mais”, disse Mário Marra.

Fonte: Diario do Fla

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo

Finanças

Flamengo inicia venda para semifinal da Libertadores com ingressos de até R$ 1200

Publicado

em

https colunadofla.com wp content uploads 2021 09 maracana estadio prefeitura

As vendas para o Flamengo x Barcelona-EQU, pela Conmebol Libertadores, foram abertas na tarde desta quinta-feira para sócios-torcedores. Para o público em geral, começam nesta sexta.

Os torcedores precisam checar horário da abertura de cada plano para fazer a compra dentro do período estipulado. As entradas variam de R$125 a R$ 1200 no setor Maracanã Mais.

A partida será um Evento-Teste, seguindo o decreto Rio nº49336 publicado pela Prefeitura do Rio de Janeiro. E contará com 50% da capacidade do estádio, ou seja quase 35 mil lugares.

Menores de 15 anos não poderão acessar a partida, já que, de acordo com o calendário de vacinação da cidade, ainda não terão iniciado sua imunização. Pelo mesmo motivo, não haverá gratuidade para menores de 12 anos.

No momento da retirada do ingresso, após apresentação de todos os documentos comprobatórios, o torcedor receberá o ingresso e deverá colocar uma pulseira, que não poderá ser retirada até o final da partida.

Horário de abertura para Público geral e encerramento das vendas online:

17/09, 17h00 – Abertura das vendas para Nação Jr. e Público geral*
22/09, 17h30 – Encerramento das vendas online*

*Sujeito a alteração.

Fonte: Extra

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo

Finanças

RMP: Diretoria do Flamengo perdeu a noção da realidade econômica brasileira

Publicado

em

E ZfG7PWQAMb4NU

Flamengo realizou o seu primeiro teste com torcida no Maracanã ontem (15), na vitória por 2 a 0 sobre o Grêmio , no Maracanã, mas a quantidade de público ficou abaixo da expectativa em relação ao máximo estipulado pela Prefeitura do Rio de Janeiro e o clube, com 6 mil pagantes, contra o limite de até 24 mil.

No UOL News Esporte , Renato Maurício Prado culpa os preços cobrados pelos ingressos como fator que dificultou para que o Flamengo pudesse contar com a presença de mais torcedores, em um número mais próximo do previsto, do que os que efetivamente marcaram presença, lembrando também a obrigatoriedade do teste PCR.

 

“O público foi decepcionante para a diretoria do Flamengo, a diretoria do Flamengo achava que iria botar lá os 24 mil, afinal de contas, o Flamengo não jogava há praticamente um ano com torcida, havia uma demanda reprimida gigantesca, mas os preços são muito caros, o preço mais barato é R$ 100, você bota mais ainda o preço do PCR, que você é obrigado a fazer e fica praticamente inviável”, afirma Renato.

O jornalista destaca que aparentemente o comportamento do público dentro do estádio ocorreu de forma correta, com distanciamento, apesar das aglomerações no entorno do Maracanã. Ele também lembra que a liminar que permitia o segundo teste de público diante do Grêmio pelo Brasileirão foi derrubada .

“Agora, os 6 mil que foram, talvez até justamente por ser muito menos do que eles esperavam, eu acho até que dentro do estádio, de uma maneira geral, eles estavam com distanciamento, achei até o comportamento da torcida dentro do estádio bom, mas é claro, deslocamento, metrô, não tem jeito, isso vai sempre ter mais aglomeração quando você tem público no estádio”, diz Renato.

“Só que agora o Flamengo só vai voltar a ter público na Libertadores , porque a liminar já foi cassada e o jogo com o Grêmio , que estava até ameaçado de não haver se a rodada fosse adiada, não vai ter público”, conclui.

Fonte: Uol

Gostou da notícia?

Então, nos siga em todas nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Mengão!

Continue lendo




WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com