Foi sofrido, mas o Flamengo venceu o Defensa y Justiciapor 1 a 0 nesta quarta-feira (14), na Argentina, no duelo de ida das oitavas de final da Conmebol Libertadores. A partida marcou a estreia do técnico Renato Gaúcho no comando do time rubro-negro.

Para muitos, porém, o duelo foi marcado pelo domínio argentino que não conseguiu se converter em gols. O técnico Sebastián Beccacece é uma das pessoas que corrobora essa opinião.

Em entrevista coletiva após o duelo, o comandante exaltou a entrega de sua equipe, disse que foi dominante durante os 90 minutos e que o gol rubro-negro foi um feito de sorte.

“Fizemos uma partida inteligente para sair buscando na frente contra um grande rival. A procura incessante terá que se repetir para seguirmos mantendo nosso sonho. Temos que repetir isso. O gol deles foi um feito de sorte. Fomos dominantes”, disse.

“Tivemos seis ou sete jogadas muito claras. Ganhamos no mano a mano. Estou orgulhoso dos jogadores por sua entrega. Hoje, mostramos uma fortaleza e dignidade que representam muito bem o povo de Varela”, completou

Com o resultado, o Flamengo pode até empatar na próxima quarta-feira (21), no Maracanã, no duelo de volta, que mesmo assim avança às quartas de final.